PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO: UM ESTUDO EM ORGANIZAÇÕES MINEIRAS

Fabiano Bento de Sá, Karina Gomes dos Reis Bento, Fabrício Ziviani, Marta Araújo Tavares Ferreira

Resumo


O objetivo deste trabalho é analisar as práticas de gestão do conhecimento adotadas por organizações mineiras. Utilizou-se uma abordagem de análise quantitativa dos dados, obtidos através da aplicação de questionários. Para análise dos dados foi utilizada a técnica de análise fatorial e encontrados oito componentes que representam as práticas de gestão do conhecimento. Com base nos fatores identificados elaborou-se uma escala múltipla validada através da apuração do Alpha de Cronbach. Os resultados da pesquisa sugerem que na percepção dos pesquisados as práticas gerenciais, relacionadas à efetiva gestão do conhecimento e, por decorrência, a inovação, não são completamente disseminadas nas empresas estudadas. Como conclusão sugere-se que as organizações estudadas desenvolvam principalmente, os fatores política cultural corporativa e estímulo à aprendizagem organizaconal.

Palavras-chave


Gestão do conhecimento; Práticas Gerenciais; Conversão do Conhecimento

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page

Licença Creative Commons
Os originais publicados na Perspectivas em Gestão & Conhecimento estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons 3.0 Brasil (obrigatoriedade de atribuição de créditos/vedado uso comercial/vedada criação de obras derivadas/permitida citação referenciada).
Perspectivas em Gestão & Conhecimento - PG&C, Cidade de João Pessoa, Estado da Paraíba, Brasil.
ISSN: 2236-417X (formato eletrônico).