REFLEXÃO SOBRE A RELAÇÃO ENTRE A MUDANÇA DE CULTURA ORGANIZACIONAL E A GESTÃO DO CONHECIMENTO

Ronielton Rezende Oliveira, Roniton Rezende Oliveira, Juvêncio Braga de Lima

Resumo


A todo instante é possível notar as inúmeras transformações, as quais são submetidas às organizações: as ideias, os recursos e as competências estão globalizados; a informação é coletada, armazenada e difundida com uma velocidade espantosa. Contudo, a relação entre a cultura existente e o conhecimento organizacional, impõe aos gestores um processo social e cultural de aprendizagem, que persiste além da dualidade de transformação do conhecimento tácito para explícito e vice-versa. Isso leva a agenda para a discussão sobre os aspectos que envolvem a cultura organizacional e a sua mudança. Com o propósito de contribuir para os estudos que possibilitam o aumento da eficiência e eficácia organizacional, este ensaio teórico movimentou-se em torno de três variáveis: a cultura, a gestão do conhecimento e a mudança na cultura organizacional. Neste contexto, o modelo de perspectiva gerencial proposto, sintoniza as variáveis, para compreender seus efeitos, e mostra-se como uma alternativa para conduzir a gestão do conhecimento de modo a alcançar os resultados de negócios esperados.

Palavras-chave


Organizações; Conhecimento Organizacional; Mudança; Cultura Organizacional; Gestão do Conhecimento

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page

Licença Creative Commons
Os originais publicados na Perspectivas em Gestão & Conhecimento estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons 3.0 Brasil (obrigatoriedade de atribuição de créditos/vedado uso comercial/vedada criação de obras derivadas/permitida citação referenciada).
Perspectivas em Gestão & Conhecimento - PG&C, Cidade de João Pessoa, Estado da Paraíba, Brasil.
ISSN: 2236-417X (formato eletrônico).