Plantio direto de alface após pré-cultivo de aveia e tremoço em sistema orgânico

HERNANDES OLIVEIRA FEITOSA, JOSÉ GUILHERME MARINHO GUERRA, CLAYTON MOURA CARVALHO, ERIALDO OLIVEIRA FEITOSA, PAULO RICARDO ALVES SANTOS

Resumo


O sistema de produção orgânica tem crescido bastante, principalmente em locais onde suas características geográficas não permitem exploração em grande escala como o estado do Rio de Janeiro, com exceção da região norte do estado, além, de uma demanda cada vez maior por produtos orgânicos. O experimento foi instalado no Campo Experimental de Avelar da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro (Estação Experimental de Seropédica - Município de Paty do Alferes - RJ), localizado a 22º 20' S (latitude) e 43º 25' W (longitude), com uma altitude média de 575 m, na região do médio Paraíba Fluminense. O delineamento experimental adotado foi o de blocos ao acaso com cinco repetições e quatro tratamentos (pré-cultivo de Tremoço, aveia, tremoço + aveia e vegetação espontânea). O plantio direto de alface sobre cobertura viva de aveia com tremoço e tremoço solteiro possibilitou bom desempenho para as variáveis avaliadas, semelhante ao obtido em sistema de plantio com preparo convencional do solo. Portanto, a prática do preparo convencional pode ser inteiramente substituída pelo pré-cultivo principalmente por leguminosa ou consorciada com gramínea.

Texto completo:

PDF PDF


DOI: https://doi.org/10.25066/agrotec.v31i1.3418

Revista Agropecuária Técnica
ISSN impresso 0100-7467
ISSN online 2525-8990


Este periódico está indexado em:




Índice h (Google Scholar)=14


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional