Balanço hídrico na cultura da soja, sob recarga natural em um solo podzólico vermelho-amarelo.

Hernandes de Oliveira Feitosa, Fabrício Mota gonçalves, jose bruno rego de mesquita, André Henrique Pinheiro Albuquerque, Antônio Henrique Cardoso do Nascimento, Raimundo Nonato Távora costa

Resumo


O objetivo do trabalho foi quantificar os componentes do balanço hídrico para a cultura da soja em Podzólico vermelho-amarelo, com recarga natural, para o município de Fortaleza–CE. O experimento foi conduzido em uma área pertencente ao Laboratório de Hidráulica e Irrigação do Departamento de Engenharia Agrícola do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Ceará, no período de 19 de abril a 21 de junho de 2008. A cultura utilizada foi à soja. O clima da região é tropical chuvoso com precipitação média anual de 1350 mm, temperatura média anual de 26,5º C. No estudo considerou-se como limite inferior do volume de solo a profundidade de 0,50 m, para as determinações dos componentes do balanço hídrico nas profundidades de 0.125 m, 0.375 m e 0.625 m. Durante o experimento, a lâmina de água esteve sempre acima da capacidade de armazenamento de água no solo. As maiores perdas de água no sistema foram por drenagem profunda (5,4%) e escoamento superficial (3,8%) do total das precipitações do período. Para as condições climáticas locais, plantio de culturas anuais não encontrarão déficit hídrico.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25066/agrotec.v31i1.3823

Revista Agropecuária Técnica
ISSN impresso 0100-7467
ISSN online 2525-8990


Este periódico está indexado em:




Índice h (Google Scholar)=14


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional