Observações preliminares sobre a epidemiologia das doenças do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) e resistência de cultivares na micro-região do “Curimataú” Paraibano

Egberto Araújo, Luíz A. Campos Guevara, José Barbosa Cabral

Resumo


Na micro-região do Curimataú, Estado da Paraíba, foram conduzidos estudos preliminares sobre a epidemiologia das doenças do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.). Nas condições em que se realizaram estas observações, a ferrugem (Uromyces phaseoli (Reb) Wint.var. typica Arth.) e a mancha angular (Isariopsis griseola Sacc.) foram as doenças que se disseminaram mais amplamente; em menores proporções, detectaram-se o mosaico comum (vírus) e a antracnose (Colletotrichum lindemuthianum (Sacc. & Magn) Scrib). As reações pertinentes as cultivares mostraram que a variedade Favinha e a mistura 8 foram as mais susceptíveis a ferrugem; com relação a mancha angular, a cultivar IPA -3 foi a mais afetada.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25066/agrotec.v1i1.43437

Revista Agropecuária Técnica
ISSN impresso 0100-7467
ISSN online 2525-8990


Este periódico está indexado em:




Índice h (Google Scholar)=14


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional