Avaliação da qualidade, fitoquimicos e atividade antioxidante do suco tropical de caju

Roberta Lopes Carvalho, Maria Raquel Miranda, Isabella Montenegro Brasil

Resumo


Diante da escassez de investigações sobre o potencial funcional dos frutos tropicais, o presente trabalho visou avaliar a qualidade do suco tropical de caju durante o processamento investigando o efeito do processo hot fill nas alterações das características de qualidade, compostos antioxidantes e atividade antioxidante (AAT), que tem relevante participação na fração hidrofílica antioxidante dos produtos de fruto, em suco tropical de caju não adoçado, produtos de largo consumo na região Nordeste do Brasil, derivado de rica fonte em componentes funcionais. O processamento hot fill não alterou as características de qualidade do suco tropical de caju não adoçado, uma vez que o respectivo produto esta de acordo com os Padrões de Identidade e Qualidade exigidos pela Legislação Brasileira (BRASIL, 2003). De acordo com os dados obtidos para os compostos antioxidantes e a atividade antioxidante total pode-se concluir que o suco tropical de caju não adoçado e uma rica fonte de fitoquímicos antioxidantes, apesar das alterações no conteúdo desses compostos durante o processamento.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25066/agrotec.v32i1.7236

Revista Agropecuária Técnica
ISSN impresso 0100-7467
ISSN online 2525-8990


Este periódico está indexado em:




Índice h (Google Scholar)=14


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional