Memória organizacional e valor da informação: proposta de modelo conceitual

Autores

  • Juliana Cardoso dos Santos Santos Universidade Estadual de Londrina
  • Marta Lígia Pomim Valentim Universidade Estadual Paulista

Resumo

A memória organizacional e o valor da informação são ubíquos e estão intrinsicamente ligados à competitividade das organizações. Nesse cenário, acredita-se que propor um modelo conceitual para a estruturação da memória organizacional potencializa a competitividade das organizações. Esta pesquisa possui natureza qualitativa, é tipologicamente descritiva, exploratória e fez uso do mapa conceitual, objetivando propor um modelo conceitual de memória organizacional para o Instituto Senai de Tecnologia em Tecnologia de Informação e Comunicação. O modelo tem como meta sistematizar a circulação de informações, evitar perda do conhecimento intelectual, integrar saberes, fazer uso e reúso da experiência e do autoconhecimento, e pressupõe que a mesma memória tem como obstáculos a preservação do contexto, explicitar conhecimentos informais e superar a ênfase em artefatos. Espera-se contribuir e enriquecer o arcabouço teórico do campo científico da Ciência da Informação, mais especificamente no que se refere à proposição de modelo conceitual para estruturação da memória organizacional, com vistas ao valor da informação e à competitividade organizacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marta Lígia Pomim Valentim, Universidade Estadual Paulista

Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo, Brasil. Professora da Universidade Universidade Estadual Paulista, Brasil.

Downloads

Publicado

23-12-2021

Como Citar

Santos, J. C. dos S., & Pomim Valentim, M. L. (2021). Memória organizacional e valor da informação: proposta de modelo conceitual: . Perspectivas Em Gestão &Amp; Conhecimento, 11(3), 196–210. Recuperado de https://www.periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/pgc/article/view/61582

Edição

Seção

Memória de Evento Científico-Profissional