Marketing científico digital e métricas de mídias sociais: indicadores-chave de desempenho de periódicos no Facebook

Autores

  • Ronaldo Ferreira Araújo Doutor em Ciência da Informação (UFMG) Laboratório de Estudos Métricos da Informação na Web (Lab-iMetrics). Professor do Curso de Biblioteconomia (UFAL).

Palavras-chave:

Marketing científico digital, Métricas de mídias sociais, Indicadores-chave de desempenho, Periódicos, Facebook.

Resumo

Discorre sobre o marketing científico digital para aumento do alcance e impacto de periódicos e as métricas de mídias sociais como forma de avaliação desse tipo de marketing. Analisa a presença e a performance de 67 periódicos brasileiros no Facebook e descreve seus indicadores-chave de desempenho no uso do software de monitoramento e análise de mídias sociais, Fanpage Karma. A visibilidade total atingida verificada foi 82.123 fãs, dando uma média de 1.226 seguidores. A influência, considerada pela taxa de crescimento do número de seguidores indicou média apenas 0,44%. Embora tenha sido identificado uma média de 271,7 interações por revista, o índice de engajamento não foi positivo para 67,1% dos periódicos. Quanto à reputação, indicador-chave de desempenho de performance das páginas, a maioria delas as revistas não atingiu 50% do potenciale precisa ser aprimorado. Considera-se que mídias sociais como o Facebook auxiliam na atuação relacional e podem promover o aumento da exposição das revistas de forma mais interativa e mais engajada

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-04-02

Como Citar

Araújo, R. F. (2018). Marketing científico digital e métricas de mídias sociais: indicadores-chave de desempenho de periódicos no Facebook. Informação &Amp; Sociedade, 28(1). Recuperado de https://www.periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/ies/article/view/22063

Edição

Seção

Artigos de Revisão